• LOGIN
    • Nenhum produto no carrinho.
Foto de perfil

COMO COMBATER A INVEJA!

Texto escrito originalmente por Camilo Compostela

Saudações!

Todos falam nos efeitos e nos aspectos negativos da Inveja mas, por incrível que pareça, existe mais reencarnações de Cleópatra e Aleister Crowley que indivíduos capazes de admitir esta realidade.

Napoleão Bonaparte afirmava que a Inveja ‘é um atestado de inferioridade’ e visto que todos nós, pobres mortais nos primórdios da escada evolutiva, possuímos simultaneamente Anjos e Demônios, luz e trevas em nossos corações, torna-se perfeitamente natural que o sentimento de Inveja brote em nosso ser num ou noutro momento nos mais variados graus.

A tendencia natural e comum é a de apontarmos para o outro; uma maneira desonesta de proteger o verniz falso da nossa imagem, e uma via muito eficaz para impedir o avanço pessoal.

Uma doença não assumida, não é medicada e caminha a passos largos para pior. Esconder por medo e vergonha de si mesmo a sujeira debaixo do tapete não torna a casa mais limpa. Um hábito mental fixado pela prática contínua vai formatando a personalidade e desenhando seu futuro.

O sentimento de Inveja está retratado nos contos mitológicos, cosmogênicos e literários de todos os tempos, não por capricho poético, mais por reflexo antropogênico.

Não, não se preocupe com a Inveja do outro, com o ‘mau-olhado’, com ‘mandingas’ ou mesmo ‘feitiços’; se vossa mercê estiver bem resolvido internamente, nada será capaz de lhe atingir. Como disse em um Artigo anterior: ‘O que vem debaixo não te atinge’

A Inveja é um caco de vidro dentro do seu sapato, ninguém vê, mas mesmo assim ela vai prejudicar sua caminhada.

Em primeiro lugar, é importante perceber que, em linhas gerais, o processo de Inveja é desencadeado quando vossa mercê desloca sua atenção do ‘centro’ para a ‘periferia’. Ou seja, todas as vezes que, insatisfeito com a própria vida, começa a imaginar como estaria muito melhor no lugar de beltrano ou ciclano; a Inveja floresce quando começa a odiar a si mesmo e ao outro por se considerar infeliz, inferior, incapaz e incompreendido.

Quando a Inveja encontra abrigo no coração, ela começa a distorcer a realidade e a pintar um quadro onde o ‘outro’ (Note novamente quem é o centro) é mais feliz e realizado, que na verdade ele não merece estar lá.

A comparação é a mãe da Inveja.

Vejamos que ter pessoas que são exemplos, modelos e até mesmo desejar ter ou ser algo semelhante a quem admiramos é algo positivo e saudável. Toda a problemática está quando:

1º Perde-se a noção de quem se é, onde se está e sob quê circunstâncias.

2º A ‘comparação pelo exemplo’ começa a gerar um sentimento de inferioridade que, alimentado, vai se transmutando em raiva, tristeza e rancor.

Não existe problema em se desejar um carro como o do cunhado, um diploma como o do colega ou um vestido como o da namorada do ex; a questão é não perder o foco, o centro e o senso de equilíbrio.

1º Cada pessoa é única, sob um contexto de vida único e intransferível.

2º Desenhar Objetivos, Metas, desejos e sonhos; bem como ter a frente pessoas que nos sirvam de exemplo é não apenas benéfico como necessário.

3º O sentimento de abundante prosperidade, harmonia, saúde, gratidão (leia o Artigo sobre Gratidão) e partilha deve fundamentar todos os nossos pensamentos e planos em relação as pessoas e a nós próprios.

4º Nunca se esqueça: A pessoa mais importante do mundo é você.

*Não por ser mais e melhor que os outros, mas simplesmente por ser, o auto-melhoramento e auto-centramento, a única maneira de contribuir verdadeiramente com a humanidade. Ninguém pode dar o que não possui.

5º Todas as vezes que ver algo grande, positivo, próspero e na vida do teu próximo ABENÇOE!

*Abençoe com sinceridade e força, reze e peça pelo sucesso do outro; ajude, e se não puder ajudar, ao menos não atrapalhe. Secretamente visualize sempre as melhores manifestações pra ti e para o teu vizinho. Faça-o com alegria e força e não terá sentimento de Inveja capaz de resistir por muito tempo; dentro em breve a LUZ emanará por cada célula do teu corpo e estas mesmas bençãos serão comum em sua vida.

In Lumem Lumine,

C.C.C.M.R+C

Quer aprender a jogar e ler o Baralho Cigano? Clique no banner abaixo e se inscreva agora no curso 100% online e certificado. O inicio é imediato.

baralho-cigano-ead-eadeptus

© COPYRIGHT 2017 - EADEPTUS

Login

Register

FACEBOOKGOOGLE Create an Account
Create an Account Back to login/register